Tricomoníase

O que é Tricomoníase?

A tricomoníase (CID 10 – A59) é uma infecção do trato vaginal inferior feminino ou trato genital masculino causada pelo protozoário Trichomonas vaginalis. Pode ser assintomática ou causar sintomas como uretrite ou vaginite e, ocasionalmente, cistite, epididimite e prostatite.

Tricomoníase na mulher

O Trichomonas vaginalis infecta principalmente o trato genital. Mas existe uma grande variação na forma como ela se manifesta: pode ser desde a apresentação assintomática até um estado de severa inflamação (vaginite).

Das mulheres infectadas, entre 25% e 50% são assintomáticas, têm pH vaginal normal de 3,8 a 4,2, acima desse nível já é possível considerar que o meio vaginal está infectado.

Tricomoníase no homem

Diferentemente da mulher, homens são infectados pelo contato com parceira sexual infectada e, por razão desconhecida, podem ter somente infecção autolimitada. No entanto, o tratamento é o mesmo para ambos.

Causas

O agente causador da tricomoníase é um protozoário unicelular chamado Trichomonas vaginalis ou T. vaginalis, um tipo de parasita minúsculo que se transmite entre as pessoas durante a relação sexual. O período de incubação entre a exposição e a infecção pode variar de cinco a 28 dias.

Transmissão

O protozoário é transmitido de uma pessoa infectada para uma pessoa não infectada durante o sexo. Nas mulheres, a parte mais comumente afetada do corpo é o trato genital inferior (vulva, vagina, colo do útero ou uretra). Nos homens, a parte do corpo mais comumente afetada é o interior do pênis (uretra). Durante o sexo, o parasita geralmente se espalha de um pênis para uma vagina, ou de uma vagina para um pênis. Não é comum o parasita infectar outras partes do corpo, como as mãos, a boca ou o ânus.

Não está claro por que algumas pessoas com a infecção têm sintomas enquanto outras não. Isso provavelmente depende de fatores como a idade de uma pessoa e a saúde geral. Pessoas infectadas sem sintomas ainda podem transmitir a infecção para outras pessoas.

Sintomas

Muitas mulheres e maioria dos homens com tricomoníase não apresentam sintomas, pelo menos não no início. No entanto, os sintomas vulvares de tricomoníase incluem:

Os sinais e sintomas podem piorar durante a menstruação.

Homens com tricomoníase raramente apresentam sintomas e geralmente não sabem que estão infectados. Entretanto, quando os sintomas ocorrem, eles incluem:

Diagnóstico

Não é possível diagnosticar a tricomoníase apenas com base nos sintomas, já que muitas pessoas não os apresentam.

Desta forma, o diagnóstico da tricomoníase pode ser feito por um profissional de saúde através do exame físico, geralmente em exames de rotina como papanicolau, onde será observado se a mulher possui corrimento amarelado e odor forte na vagina.

Além disso, tanto para homens quanto para mulheres, será necessário realizar alguns exames laboratoriais para diagnosticar a tricomoníase.

Fatores de risco

Os principais fatores de risco para tricomoníase são:

Agende agora a sua consulta!